Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico
Usuário
Senha

Notícias

Newsletter

Nome:
Email:

Alepe instala Frente Parlamentar para impulsionar setor sucroalcooleiro

Buscar soluções para as demandas do setor sucroalcooleiro e evitar o fechamento de usinas em Pernambuco. Esses são os principais objetivos da Frente Parlamentar instalada na tarde desta terça (23) na Assembleia. Participaram da reunião produtores e empresários do ramo, que apresentaram demandas para melhorar a produção e a competitividade da cana-de-açúcar do Estado. O presidente do Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool de Pernambuco (Sindaçúcar), Renato Cunha, defendeu a necessidade de promover o crescimento da produção local de forma ordenada. “Para isso é preciso investimentos em segurança hídrica, na qualidade genética da cana na Estação Experimental de Cana-de-açúcar do Carpina e uma melhor regulação perante o Governo Federal na comercialização do etanol em Pernambuco”, listou. Ele também ressaltou a importância de desenvolver as tecnologias de irrigação para garantir a longevidade da produção, que muitas vezes sofre com a escassez de água. Na mesma linha, o vice-presidente da Associação de Fornecedores de Cana de Pernambuco, Paulo Giovani, destacou que é preciso investir na construção de barragens acumuladoras de água, além de outros projetos para ajudar os pequenos produtores. Já o empresário Carlos Almeida fez um relato sobre a situação da Usina Estreliana, no município de Ribeirão, na Mata Sul. De acordo com ele, a unidade, que emprega 300 funcionários diretos e movimentou R$ 60 milhões na região no ano passado, corre o risco de fechar. Para o coordenador da frente, deputado Clovis Paiva (PP), o fechamento de usinas traz grandes prejuízos socioeconômicos. Junto com os demais integrantes do grupo, ele afirmou que vai ouvir todos os segmentos da cadeia produtiva, além de representantes do Governo do Estado, para encontrar soluções para as demandas apresentadas. “Todos juntos poderão trazer a suas experiências, colocá-las à mesa, e a gente tentar minimizar os problemas do setor. O objetivo maior é que não se fechem mais usinas”, informou.
23/04/2019 (00:00)
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia